Current track

Title

Artist


Léo Santana e IZA são os brasileiros da música entre as 100 personalidades Afrodescendentes Mais Influentes do Mundo

Written by on 6 de outubro de 2020

Fonte: POPline

Foi revelada ao mundo, após a abertura da 74ª Assembleia Geral da ONU – Organização das Nações Unidas, uma das premiações mais importantes do planeta: a lista das 100 personalidades Afrodescendentes Mais Influentes do mundo (ou MIPAD, em sua sigla em inglês) em 2020, e nela os brasileiros Léo Santana e IZA são os representantes da nossa música.

Foto: Reprodução/Instagram

A premiação é reconhecida pela ONU e engloba todas as áreas de atuação, como arte e cultura e empreendimentos que sejam voltados para o público afro. Léo e IZA aparecem na categoria de Mídia e Cultura, juntos com o jornalista Renan Souza, da CNN Internacional.

”Ser um dos escolhidos como representante afrodescendentes no meu país e saber que minha carreira impacta positivamente na vida de muitas pessoas só me faz crer que estou no caminho certo! Quanta representatividade! Haja orgulho! Gratidão acima de tudo!”, revelou Léo, em comunicado à imprensa.

Parcerias de Léo Santana

Nos últimos meses, Léo Santana te trabalhado bastante em sua música e vem colaborando com outros grandes nomes da música brasileira, como Kevinho, MC Dublack, Harmonia do Samba, Parangolé e Pocah.

Além disso, Léo também se prepara para sua colaboração com Luísa Sonza, que deverá ser lançada em breve. “Tá vindo uma bomba aí. Léo Santana e Luísa Sonza, faz dois ‘LS’. Vai ser incrível. Hermana já está recuperada do Covid, pra gloriona de Deus, tá amando e é isso que importa, tá feliz, tá em paz. E o nosso clipe vem. Aguardem!”, afirmou o cantor, na época do anúncio de sua parceria com Luísa.

IZA na capa da ELLE

Atualmente preparando o seu próximo álbum, IZA também participou de algumas parcerias recentes, com nomes como Bruno Martini, Timbaland, Di Ferrero e Lagum, e recentemente estampou, ao lado de outras personalidades fortes brasileiras, a capa da revista ELLE, onde ela lembrou da coragem que teve de largar seu emprego para seguir seu sonho de trabalhar com música.

View this post on Instagram

Que edição histórica, @ellebrasil! Sempre amei essa revista e não acredito que dessa vez eu estou na capa, e ainda dividindo esse lugar com tantos outros nomes maravilhosos! @gilbertogil @djamilaribeiro1 @katumirim Feliz demais por fazer parte disso, feliz demais por ter trabalhado com uma equipe tão incrível e feliz demais por esse resultado! ✨ Disponível nas bancas a partir do dia 1º de outubro. . . #Repost @ellebrasil • Nossa segunda capa traz um dos maiores nomes da nova geração da música: pode entrar, @iza. Ela largou seu emprego para investir na carreira musical e, junto com a mãe, enfrentou diversas barreiras até tornar seu sonho realidade. Hoje, é reconhecida pelo seu talento, referência de beleza e estilo e inspira milhares de pessoas com sua autenticidade. “Comecei a cantar muito mais por medo de ver o sonho passar, de não dar mais tempo de correr atrás, do que coragem”, diz IZA em uma conversa sincera em que compartilhou suas histórias e aprendizados. O primeiro volume da ELLE impressa começará a chegar na casa dos assinantes da ELLE Premium a partir de 1º de outubro e também poderá ser comprado de forma avulsa em bancas e livrarias selecionados e no nosso site (com entrega para todo Brasil). Para saber mais, clique no link da bio. Foto: @mar_______vin Direção criativa: @luciano_schmitz Edição de moda: @suyane_ynaya Beleza: @dindihojah Entrevista: @brunabittencourt1 Look: @teodoraoshima Tratamento de imagem: @taugeretouch Produção executiva: @mari__araujo__ Produção de moda: @agathabarbosa e @meucorporejeita Produção de arte: @pedroflutt Assistência de foto: @franklindalmeida e @mmarcolino Assistência de beleza: @maiaboitrago Assistência de produção executiva: @miri.balen

A post shared by IZA (@iza) on

“Comecei a cantar muito mais por medo de ver o sonho passar, de não dar mais tempo de correr atrás, do que coragem”, lembrou IZA, que é formada em Publicidade e Propaganda e trabalhava na área antes de se aventurar como cantora, com vídeos para o YouTube, que a levaram a um contrato com a Warner Music.


Reader's opinions

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *